Search
  • Letícia Menezes Silva

Neste natal, vamos fazer nossos brinquedos!?

Olá, pessoal! Este mês falaremos sobre reciclagem. Diariamente produzimos lixo, sendo ele reciclável ou não. Por mais que sejamos pessoas conscientes que minimizam o desperdício, vivemos em uma sociedade que estimula o consumo e estamos constantemente em contato com novos produtos que precisamos para o nosso dia-a-dia e com eles vêm embalagens e logo menos a necessidade de adquirir um novo produto, aumentando cada vez mais a quantidade de itens descartados.


Mas você já parou para se perguntar o que acontece com o seu lixo depois que o caminhão do lixo leva ele embora?




Estima-se que 40% do lixo coletado no Brasil são dispostos de forma inadequada. Portanto, grande parte do lixo orgânico não é compostado e do lixo reciclável vai parar no lixão. O destino impróprio do lixo tem graves consequências para o meio ambiente, incluindo rios, reservatórios de água e áreas florestadas, além da proliferação de animais e insetos vetores de doenças, produção de gases nocivos e desperdício de materiais com potencial para reutilização.


É triste pensar que a reciclagem ainda não faz parte dos hábitos de muitos dos brasileiros. Muitos não fazem ideia do impacto que o lixo tem para o meio ambiente e o processo de conscientização começa pelo acesso a essa informação.


Uma fonte de Ideias: Ecobrinquedoteca


Tendo em vista o efeito do excesso de lixo, pensar alternativas mais sustentáveis para inserir no nosso dia a dia é de extrema importância. Dessa forma, a indicação desse mês é o Instagram da Ecobrinquedoteca (@ecobrinquedoteca) de Campinas/SP, coordenado pela professora Tereza Miriam Pires Nunes (Zamira). Neste, é possível descobrir que não é necessário gastar muito e nem gerar mais lixo para um brinquedo ser interessante.


Com coisas simples como uma embalagem, que pode ser cortada ao meio, e materiais para enfeitá-la da maneira que o indivíduo se interessar, é possível fazer um fantoche que vai unir a todos em uma experiência incrível de produzir e utilizar seu próprio brinquedo.


Para assistir os vídeos basta clicar na imagem que você será direcionado para o instagram.



Para quem prefere jogos de tabuleiro, as opções são diversas! O jogo da trinca, por exemplo, é uma gostosa experiência que só necessita de um pedaço de papel, 6 tampinhas ou qualquer outro objeto que sirva de “peça” para mover no tabuleiro.




É possível relembrar, conhecer e se aventurar com diversos brinquedos e jogos feitos com itens que descartamos diariamente de uma forma simples e divertida.


Abaixo, anexamos uma apostila de autoria e disponibilizada pela Zamira com instruções para a confecção de diversos jogos com materiais recicláveis.

APOSTILA ECOBRINQUEDOTECA 2021 ABBri (2)
.pdf
Download PDF • 1.11MB


Referência:

Andretti, F. V.; Ferreira, J. A.; Mannarino, C. F. “Análise da aplicabilidade da Portaria 557 do Ministério das Cidades em estudos de viabilidade técnico-econômica para incineração com recuperação energética de resíduo sólido urbano no Brasil”. Engenharia Sanitaria e Ambiental [online]. 2021, v. 26, n. 6 [Acessado 21 Dezembro 2021] , pp. 1181-1190. Disponível em: <https://doi.org/10.1590/S1413-415220200402>.


15 views0 comments

Recent Posts

See All